Skip to main content

Na berma de nenhuma estrada : e outros contos / Mia Couto.

Main Author Couto, Mia, pseud. Language por.. Edition 2ª ed. Publication Lisboa : Caminho, imp. 1987. Description 184 p. ; 21 cm. Series Uma terra sem amos. ISBN 9722113984 Abstract “Mia Couto seleccionou, de entre publicações dispersas por jornais e revistas ao longo de anos recentes, estes trinta e oito textos que agrupou sob o título “Na Berma de Nenhuma Estrada e outros contos”. Cada novo encontro com a sua escrita significa uma viagem a que não apetece pôr termo. A intensidade das personagens, a multiplicidade de registos em que as várias tramas ocorrem, o universo do fantástico e do sobrenatural coexistindo em perfeita sintonia com o dia-a-dia da tradição, da cultura e da vivência experienciadas, a capacidade de efabulação, a oralidade que emana da palavra escrita transformando-a em puro som, são portos a que acostamos e que nunca desvendamos por completo. Façamos escala em «Fosforescências», «O último ponto cardeal», «O fazedor de luzes», «Os amores de Alminha», «Os gatos voadores»; tomemos o rumo de «As cartas», «O escrevido», «Ave e nave»; voguemos ao sabor de «A multiplicação dos filhos», «As lágrimas de Diamantina», «O amante do comandante»; deixemos que as ondas nos levem até «Rosita»; e mergulhemos profunda mente nas águas, agitadas às vezes, tranquilas outras, do imaginário inesgotável do autor de Na Berma de Nenhuma Estrada e outros contos" Topical name Literatura em língua portuguesa - Autores africanos (Moçambique)
Star ratings
    Average rating: 0.0 (0 votes)
Holdings
Item type Current library Call number Status Date due Barcode Item holds
Texto Texto Biblioteca Municipal de Algés
Sala de Adultos - Ficção
C&N CON-NOV-EST COU (Browse shelf(Opens below)) Available 020110591
Texto Texto Biblioteca Municipal de Carnaxide
Sala de Adultos - Ficção
C&N CON-NOV-EST COU (Browse shelf(Opens below)) Available 030144335
Total holds: 0

“Mia Couto seleccionou, de entre publicações dispersas por jornais e revistas ao longo de anos recentes, estes trinta e oito textos que agrupou sob o título “Na Berma de Nenhuma Estrada e outros contos”. Cada novo encontro com a sua escrita significa uma viagem a que não apetece pôr termo. A intensidade das personagens, a multiplicidade de registos em que as várias tramas ocorrem, o universo do fantástico e do sobrenatural coexistindo em perfeita sintonia com o dia-a-dia da tradição, da cultura e da vivência experienciadas, a capacidade de efabulação, a oralidade que emana da palavra escrita transformando-a em puro som, são portos a que acostamos e que nunca desvendamos por completo. Façamos escala em «Fosforescências», «O último ponto cardeal», «O fazedor de luzes», «Os amores de Alminha», «Os gatos voadores»; tomemos o rumo de «As cartas», «O escrevido», «Ave e nave»; voguemos ao sabor de «A multiplicação dos filhos», «As lágrimas de Diamantina», «O amante do comandante»; deixemos que as ondas nos levem até «Rosita»; e mergulhemos profunda mente nas águas, agitadas às vezes, tranquilas outras, do imaginário inesgotável do autor de Na Berma de Nenhuma Estrada e outros contos"

There are no comments on this title.

to post a comment.